segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Eu acho graça...

É nessas horas que eu gostaria que isso aqui fosse um twitter, porque é muito mais fácil escrever uma frase simples que resume o que você quer falar do que desenvolver um assunto.
(É, sou preguiçosa mesmo.)

Voltando ao assunto do título, eu acho engraçado quando alguém lhe fala uma asneira, você a repreende e a pessoa diz: "era brincadeira". No meu caso, deu vontade de dizer: "Por que você não tem a hombridade de dizer diretamente o que pensa?" Mais fácil é dar indiretas estúpidas e, depois de ser rejeitado, fazer drama.

Portanto, eu acho graça.

Acho graça de gente que se diz moral, respeitosa, sincera e principalmente que se diz minha amiga, mas só me faz críticas pueris e infundadas, de forma a só causar descontentamento, quando eu estou disposta a praticar a política da "boa vizinhança" [aparentemente esse foi meu erro]. Isso me cansa e eu acho desnecessário manter contato com pessoas que não me agregam nada, a não ser aborrecimento.

Acho que meus amigos têm que expressar sua opinião, sim, sobre a minha vida, mas com respeito e diretamente pra mim, porque falar mal pelas costas, nas palavras do meu pai: "é coisa de menininha que quer dar, mas tem medo de doer". Eu não sou idiota e não suporto ser tratada como uma, ainda mais por pessoas que me são próximas de alguma forma. E, por favor, se for me criticar, pense antes, porque eu, quando acho que algum amigo meu está agindo errado, procuro dizer da forma mais respeitosa possível. Afinal de contas, somos todos maiores de idade e (quase sempre) temos noção das nossas atitudes e respeito pela opinião dos amigos é extremamente necessário.

E, pra ser sincera, eu fico feliz por isso ter acontecido. Vejo que cada vez mais meu círculo de amizades está completo e eu estou rodeada por pessoas de verdade que não têm medo de me dizer que sou inteligente ou que sou otária, lógico, da melhor forma possível: DIRETAMENTE.

5 comentários:

  1. Algumas vezes é difícil dizer diretamente o que pensamos, mesmo pros amigos...

    Mas geralmente conseguimos reconhecer o que é uma indireta de um amigo com saudades, e uma indireta de uma pessoa que se diz amiga mas que nunca fez por merecer a amizade...

    É preciso distinguir coleguinha do passado de amigo de verdade! E eu não sei se essas pessoas se fazem de desentendidas, ou se nunca tiveram amigos de verdade e por isso não conseguem fazer essa separação!

    ResponderExcluir
  2. Ai entra sua parte " diga q não dói e deixa ela se fuder, literalmente."

    HIUASHUIHIUSAHIUASHISIUAHIAUS

    (ah credo)

    ResponderExcluir
  3. Gabi, Gabi!

    twitter Gabi?

    ae nao!

    kkkk

    ResponderExcluir
  4. por muito tempo eu deixei o círculo aberto... mas no fim é tudo muito desnecessário =/

    ResponderExcluir